CASA DOS CICLISTAS

VINTZ SANTA CRUZ/RN

MARMORARIA GRANFORTH

Museu Rural Auta Pinheiro Bezerra

CURTA NO FACEBOOK!




segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Veja primeira imagem gráfica da variante Ômicron




Como se suspeitava, a variante Ômicron apresenta um número maior de mutações do que a Delta. É o que aponta a primeira imagem gráfica da nova cepa do coronavírus, divulgada no fim de semana pelo Hospital Bambino Gesù, de Roma.

Segundo a equipe de pesquisadores da instituição, a “imagem” tridimensional, parecida com uma cartografia, mostra que a Ômicron apresenta muito mais mutações que a variante Delta, concentradas principalmente na região da proteína que interage com as células humanas”.

Os cientistas esclareceram que “isso não quer dizer automaticamente que essas mutações são mais perigosas, mas simplesmente que o vírus se adaptou mais uma vez à espécie humana, gerando outra variante”. “Outros estudos nos dirão se essa adaptação é neutra, menos ou mais perigosa”, completaram os especialistas em um comunicado.

Os primeiros estudos sobre a variante sul-africana já haviam indicado que ela tem mais de 30 mutações na proteína spike — a parte do vírus usada como referência pelas vacinas para estimular o sistema imunológico.

Segundo o hospital italiano, a imagem gráfica foi feita “a partir da análise de sequenciamentos dessa nova variante fornecidas à comunidade científica”, provenientes, principalmente, de Botsuana, da África do Sul e de Hong Kong.







Nenhum comentário: