VEJA AS ULTIMAS COBERTURAS

MARMORARIA GRANFORTH

CASA DOS CICLISTAS

CURTA NO FACEBOOK!




VINTZ SANTA CRUZ/RN

SANTA CRUZ CLÍNICA VETERINARIA

SANTA CRUZ CLÍNICA VETERINARIA

terça-feira, 30 de outubro de 2018

KEKA EMBALAGENS APRESENTA: CAVALGADA DE SÃO BENTO DO TRAIRÍ


Sergio Moro deve terminar os julgamentos da Lava Jato e, em 2020, ser indicado para o STF

Sergio Moro deve terminar os julgamentos da Lava Jato e, em 2020, quando Celso de Mello se aposentar, ser indicado para o STF.

Nunca houve um juiz de primeiro grau indicado para o STF, mas Jair Bolsonaro foi eleito para romper esses paradigmas.

O Antagonista 
 

ENEM 2019: ATENÇÃO PARA ESTE COMUNICADO.


Publicidade Girleide Gomes>>>



Qual é o salário de um Presidente do Brasil? E os outros benefícios?

Publicidade Unióticas>>



(Erlon Silva – TRI Digital/Getty Images)

O salário bruto é de R$ 27.841,33 mensais. Como os descontos de IR e INSS, isso cai para um pouco menos de R$ 20 mil líquidos. Até 2016, o valor era maior: R$ 30.934,70 mensais, até Michel Temer reduzir todos os salários do primeiro escalão do governo, incluindo o dele próprio, em 10%.

Mas pode ficar tranquilo que isso não diminuiu o padrão de vida dele. Se os nossos chefes de estado deixassem de receber salário, eles não perceberiam. Para começar, o Palácio da Alvorada tem 7.300 metros quadrados de área construída, mais um “quintal” equivalente a 56 campos de futebol, com direito a piscina gigante e espelho d’água. Essa é a residência oficial. O Presidente ainda conta com a Granja do Torto, uma fazendinha do tamanho de 40 campos de futebol para passar os finais de semana. As duas residências contam com cerca de 200 funcionários, entre camareiras, mordomos, cozinheiros, vigias, jardineiros e administradores em geral.

Se a média salarial desses empregados for de R$ 3 mil por mês (numa estimativa baixa), temos R$ 600 mil mensais só em mimos domésticos. Temer, por exemplo, conta com quatro camareiras com função de lavar, passar e dobrar suas roupas. Para a faxina, há outros empregados.

Ou seja: o salário pode até ser terráqueo (um presidente de empresa grande ganha fácil mais de R$ 1 milhão por mês). Mas os luxos não são deste mundo.

Até o “ticket restaurante” do Presidente é infinito. As prestações oficiais de contas indicam gastos na ordem de R$ 60 mil mensais com comida – já que o Presidente paga o champagne e o presunto cru dos convidados. Os cozinheiros ficam disponíveis 24 horas por dia, sete dias por semana.

Fora isso, não é que um presidente conta com carro oficial, é que ele passa todo o mandato sem ter de abrir a porta do carro. Não é que um Presidente tem avião particular. É que ele faz o que quiser dentro do avião particular. Temer consome 40 potinhos de Häagen-Dazs por mês dentro do avião presidencial, totalizando R$ 625. Quase um salário mínimo só em sorvete dentro do avião. E ainda tem Chicabon (sério). Dilma, que também não dispensava os sorvetes de primeira linha, gastava milhões de reais em combustível extra, exigindo que os pilotos só fizessem rotas que não passassem por turbulência.

Na viagem à África do Sul para o funeral de Nelson Mandela, que reuniu todos os ex-presidentes vivos num único avião, Sarney estranhou o fato de a aeronave estar voando para o norte, quando a África fica ao leste. Dilma exigira a mudança de rota. Um voo particular intercontinental de ida e volta, para milionários comuns, filhos de Deus, custa meio milhão de reais. Com turbulência.

Somando tudo, um Presidente da República tem basicamente os mesmos luxos dos monarcas que habitavam o Palácio de Versalhes – mais a aviação particular e os outros mimos do século 21. E tudo isso torna absolutamente insignificante o salário de… De quanto mesmo?

Blog Oráculo – Super Interessante 
 
 

(A) Atenção Santa Cruz! Nesta quinta-feira acontece a tradicional festa de aniversário do deputado #TombaFarias.

#BomdeTrabalho#Aniversário#SantaCruz
Do Facebook Tomba Farias
A Banda Grafith será a atração principal do evento, que contará ainda com o Forrozão do Briola e Henry Freitas.
#BomdeTrabalho#Aniversário#SantaCruz

Marmoraria Granforth: Qualidade, Acabamento e Ótimos Preços - Ligue e Faça seu Orçamento.

Pague no Cartão em Até 10x. Descontos de Até 10% Avista. (84) 3291 3100/ 99654 1114


Desemprego recua para 11,9% no trimestre encerrado em setembro, mas ainda atinge 12,5 milhões de brasileiros

A taxa de desemprego no Brasil caiu para 11,9% no trimestre encerrado em setembro, mas ainda atinge 12,5 milhões de brasileiros, segundo dados divulgados nesta terça-feira (30) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Foi a sexta queda mensal seguida e trata-se da menor taxa de desemprego registrada no ano.

O contingente de desempregados é 3,7% menor que o registrado no trimestre encerrado em junho (474 mil pessoas a menos). Já na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, quando havia 13 milhões de desempregados no país, a população desocupada caiu 3,6% (menos 469 mil pessoas).

O número de pessoas desalentadas (que desistiram de procurar emprego) ficou estável em relação ao trimestre anterior, se mantendo no patamar recorde (4,8 milhões). Na comparação com o mesmo trimestre de 2017, porém, houve alta de 12,6%.

Trabalho informal é o que mais cresce

Os dados do IBGE mostram que a queda da taxa de desemprego foi puxada pelo aumento do trabalho informal ou por conta própria e do número de pessoas que trabalham menos horas do que gostaria.

O número de empregados com carteira de trabalho assinada foi classificado pelo IBGE como estável frente ao trimestre anterior (oscilação positiva de 0,4%) e também no confronto com o mesmo trimestre de 2017 (oscilação negativa de 1%), reunindo 33 milhões de pessoas.

Já o número de trabalhadores em carteira de trabalho assinada (11,5 milhões de pessoas) subiu 4,7% em relação ao trimestre anterior (522 mil pessoas a mais). Em relação ao mesmo trimestre do ano passado, a alta foi de 5,5% (601 mil pessoas a mais)

A categoria dos trabalhadores por conta própria (23,5 milhões de pessoas) cresceu 1,9% em relação ao trimestre anterior (mais 432 mil pessoas) e aumentou 2,6% (mais 586 mil pessoas) em relação ao mesmo período de 2017.

Já o número de subocupados por insuficiência de horas trabalhadas (6,8 milhões de pessoas) cresceu 5,4% (mais 351 mil pessoas) na comparação com o trimestre encerrado em junho, e aumentou 9,3% (mais 582 mil pessoas) ante 1 ano antes.

Na semana passada, o Ministério do Trabalho informou que o Brasil gerou em setembro 137,3 mil empregos com carteira assinada, o melhor resultado para o mês nos últimos cinco anos.

Falta emprego para 27,3 milhões de brasileiros

De acordo com o IBGE, 27,3 milhões de brasileiros estão subutilizados – 300 mil a menos que no trimestre imediatamente anterior, o que o instituto considera estabilidade. Já na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, esse contingente aumentou em mais de meio milhão de pessoas (eram 26,8 milhões em setembro de 2017, um crescimento de 2,1%.

O grupo de trabalhadores subutilizados reúne os desempregados, aqueles que estão subocupados (menos de 40 horas semanais trabalhadas), os desalentados (que desistiram de procurar emprego) e os que poderiam estar ocupados, mas não trabalham por motivos diversos.

Veja quantos estavam nessa condição no trimestre encerrado em setembro:

12,5 milhões de desempregados: pessoas que não trabalham, mas procuraram empregos nos últimos 30 dias (no 2º trimestre, eram 13 milhões);

6,9 milhões de subocupados: pessoas que trabalham menos de 40 horas por semana, mas gostariam de trabalhar mais (no 2º trimestre, eram 6,5 milhões);

8 milhões de pessoas que poderiam trabalhar, mas não trabalham (força de trabalho potencial; no 2º trimestre, eram 8,2 milhões): grupo que inclui 4,8 milhões de desalentados (que desistiram de procurar emprego) e outras 3,2 milhões de pessoas que podem trabalhar, mas que não têm disponibilidade por algum motivo, como mulheres que deixam o emprego para cuidar os filhos.

Renda estagnada

O rendimento médio real do trabalhador foi estimado em R$ 2.222 no trimestre encerrado em setembro, apresentando segundo o IBGE estabilidade frente ao trimestre anterior e também na comparaçao com 1 ano antes. A massa de rendimentos (R$ 200,7 bilhões) também permaneceu estagnada em ambas as comparações.

G1
https://www.facebook.com/Casa-dos-Ciclistas-230057501106441/
Publicidade Casa dos Ciclistas>>>
 

Sábado é dia de música ao vivo no Point Pizzaria

domingo, 28 de outubro de 2018

Jair Bolsonaro é eleito o novo presidente do Brasil; veja os números da apuração


Reprodução / Fábio Motta - Jair Bolsonaro (PSL)


Com 92% das urnas apuradas, Jair Bolsonaro está matematicamente eleito presidente da República. O candidato do PSL tem 55,70% dos votos, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O candidato do PT, Fernando Haddad, tem 44,30% dos votos

O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, após votar no bairro da Vila Militar, na zona norte do Rio de Janeiro Foto: Fabio Motta/Estadão

Depois de votar pela manhã, o candidato do PSL fez uma breve aparição na frente do local e acenou para seus apoiadores. Questionado dentro da seção sobre qual era sua expectativa, ele disse que acredita no que viu “nas ruas nos últimos meses: vitória”.

No exterior, no exterior, Bolsonaro venceu na Suíça e na Inglaterra e Haddad ganhou na França.

No pronunciamento que fará após o resultado das eleições presidenciais, caso seja eleito, Bolsonaro deverá usar um tom pela união do País, apurou o Estado.

A equipe do candidato do PSL preparou sugestões de tópicos que o deputado poderia falar, mas sabem que, pelo jeito espontâneo de Bolsonaro, ele não deverá segui-lo ao pé da letra. Porém, um discurso de paz em uma campanha polarizada será enfatizado. Ele também deverá pedir que eleitores não entrem em confronto nas ruas e que vai governar o País pensando em todos os brasileiros.


Agora RN 
Publicidade  Casa dos Ciclistas>>>

‘Teremos um governo de diálogo’, diz Fátima Bezerra (PT) após ser eleita governadora do RN


Foto: Felipe Azevedo/Estadão Conteúdo

Governadora eleita no Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) agradeceu aos votos dos potiguares e afirmou que vai administrar o estado com diálogo, em entrevista na noite deste domingo (28), após a confirmação da vitória. “O RN pode ter a certeza de que serei a governadora de todos e todas, dos que votaram em mim, e dos que não votaram também. Teremos um governo de diálogo, um governo de união, para construir um RN que tenha paz, segurança, dignidade e empregos para o nosso povo”, declarou.

Fátima Bezerra (PT) foi eleita governadora do Rio Grande do Norte em segundo turno, neste domingo (28). Ela recebeu 1.013.092 votos, ou 57,58% dos válidos e Carlos Eduardo (PDT), 746.432 votos (42,42%). Veja a apuração completa aqui.

Ela foi considerada eleita matematicamente às 18h34, quando as urnas estavam com 90,77% apuradas. Fátima é a única mulher eleita governadora no país em 2018 e a terceira a ser escolhida para o cargo no estado. Mesmo antes do fim da totalização de votos, ela também já foi considerada a governadora eleita com o maior número de votos na história do estado.

A futura governadora do RN comentou o fato de ser a única mulher eleita para liderar um estado, no país. “Eu tenho muita consciência desse momento político que o RN vive. Tem outro aspecto que me emociona muito. O fato de eu ser a única mulher que vai compor o colegiado de 27 governadores no nosso país. E justamente na terra de Nísia Floresta e do primeiro voto feminino do Brasil”, destacou.

“A maioria do povo do RN resolveu fazer uma mudança, no sentido de eleger uma professora de origem humilde que tem mais de trinta anos de vida pública pautada por honestidade, espírito público e seriedade. E isso não vai mudar neste momento político que estamos vivendo”, declarou em entrevista coletiva, após a vitória.

Fátima Bezerra tem 63 anos. É professora, pedagoga e atualmente ocupa o cargo de senadora da república pelo Rio Grande do Norte. Ela nasceu em 19 de maio de 1955 em Nova Palmeira, na Paraíba, mas mora no Rio Grande do Norte desde a adolescência. Se filiou ao PT em 1981 e entrou na carreira política-eleitoral após atuação no sindicato dos professores do estado.

Antes do Senado, Fátima foi eleita deputada estadual duas vezes consecutivas, nas eleições de 1994 e 1998. Em 2002, disputou pela primeira vez um cargo na Câmara Federal. Ganhou e foi eleita outras duas vezes, em 2006 e 2010, sempre pelo Rio Grande do Norte. Entre as candidaturas vitoriosas no Legislativo, disputou a Prefeitura de Natal nos anos de 1996, 2000, 2004 e 2008, mas perdeu nas quatro ocasiões.

Em 2014, com 808.055 votos potiguares (54,84% dos válidos), Fátima foi eleita senadora. Ela poderia permanecer no cargo até 2022, mas decidiu se candidatar ao governo do estado. Eleita, a professora assumirá pela primeira vez um cargo do Poder Executivo – a única governadora eleita no país em 2018.

“Quero agradecer ao povo do Rio Grande do Norte que foi o grande protagonista dessa vitória tão expressiva que a gente acaba de ter. Ao povo do Rio Grande do Norte, o meu mais profundo agradecimento. Nossa candidatura nasceu do sentimento popular. Nossa candidatura expressava isso: esperança por mudança. E o povo do Rio Grande do Norte confirmou isso hoje nas urnas”, disse.

Publicidade Marmoraria Granforth>>>

Fátima Bezerra é eleita governadora do RN

 

Ideal Refrigeração agora com espaço amplo para melhor atender você.

 
A Ideal Refrigeração é super conceituada na cidade, convida seus clientes para conhecer o seu novo espaço e fechar aquele orçamento que cabe no seu bolso.
Venha conhecer o novo espaço da Ideal Refrigeração que está localizada em novo endereço na Av. Trairi, 19, Bairro 3a1.



 

Santa Cruz: Fátima vence Carlos Eduardo com 65,11%


“Não tenham medo, nós estaremos aqui”, diz Haddad em discurso após derrota

Publicidade IMB MUSICAL>>>

Em sua primeira declaração após a confirmação de sua derrota para Jair Bolsonaro (PSL) na disputa pelo Planalto, candidato do PT, Fernando Haddad pediu respeito a seus cerca de 45 milhões de votos e afirmou que seus eleitores não precisam ter medo. “Nós estaremos aqui. Nós estamos juntos”, disse. “Contem conosco. Coragem, a vida é feita de coragem. Viva o Brasil”.

Haddad só discursou após o primeiro pronunciamento de Bolsonaro como presidente eleito. Ele acompanhou a apuração ao lado da família e de lideranças do partido em um hotel na zona sul de São Paulo. O candidato derrotado não ligou para o vencedor, como é tradição na disputa eleitoral brasileira.

A palavra “coragem” foi dita em diversos momentos do discurso de Haddad, que durou pouco menos de nove minutos. Ele disse que aprendeu com seus antepassados “o valor da coragem para defender a Justiça a qualquer preço”. “A coragem é um valor muito grande quando se vive em sociedade”.

Em nenhum momento Haddad fez referência direta a Bolsonaro, mas disse que, durante a campanha, sentiu “angústia e medo nas expressões de muitas pessoas”. “Daqui a quatro anos, nós teremos uma nova eleição. Nós temos que garantir as instituições. Nós não vamos sair das nossas profissões, dos nossos ofícios. Não vamos deixar de exercer a nossa cidadania”, disse.

Talvez o Brasil nunca tenha precisado mais do exercício da cidadania do que agora. Eu coloco a minha vida à disposição deste país. Tenho certeza que falo por milhões de pessoas que colocam o Brasil acima da própria vida, acima do próprio bem-estar

Ao lado de Haddad, também estavam sua candidata a vice, Manuela D’Ávila, além dos presidentes do PSOL, Juliano Medeiros, e PCdoB, Luciana Santos. O candidato derrotado do PSOL ao Planalto, Guilherme Boulos também participou do ato. A ex-presidente Dilma Rousseff foi a mais festejada entre os presentes, tendo seu nome gritado pelos militantes. “Dilma, guerreira da pátria brasileira”, entoaram. Os petistas também assoviaram a música “olê, olê, olá, Lula, Lula”.

O petista foi recebido com comemorações pelos militantes ao chegar no salão em que fez seu pronunciamento. Na sequência, os organizadores do evento pediram um minuto de silêncio e lembraram de mortes ligadas à política, como a da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL) e a do mestre Moa do Katendê. “Nós não vamos deixar esse país para trás, respeitando a democracia.”

Apesar de todas as pesquisas apontarem uma provável derrota, a campanha petista construiu um discurso de otimismo nos últimos dias. Neste domingo, antes de ir votar, Haddad chegou a dizer que estava confiante em “um grande resultado hoje”. “As pesquisas indicam uma retomada importante da intenção de voto no nosso projeto. E eu confio na democracia, confio no povo brasileiro”.

Em contraste, lideranças petistas mantiveram o tom de cautela ao longo de todo dia. Para alguns petistas, a derrota já era algo esperada, e a esperança era de diminuir a diferença de Haddad para Bolsonaro. Uma margem menor daria mais força para o partido ter força como oposição ao governo do presidente eleito.
Quando houve a confirmação da vitória de Bolsonaro, alguns militantes choraram. “Estaremos na resistência do dia a dia”, disse um apoiador petista que estava no hotel.

Em contraste com a tristeza do lado de dentro, na rua em frente ao hotel passavam carros com a bandeira do Brasil buzinando, celebrando a vitória de Bolsonaro.

Haddad, que assumiu a candidatura presidencial do PT devido à impossibilidade de Lula, preso, disputar o pleito, viu a distância nas pesquisas diminuírem nos últimos dias antes do segundo turno, mas não conseguiu virar o placar contra Bolsonaro.

Os políticos que circulavam pelo lobby do hotel já haviam, quase todos, deixado o local pouco depois das 19h, quando os resultados oficiais dos estados começaram a ser divulgados. Depois da confirmação, ficaram apenas Luiz Marinho, presidente estadual do PT e candidato derrotado ao governo de São Paulo, e Eduardo Suplicy e Jilmar Tatto, que disputaram o Senado e também não foram eleitos.

Haddad não vai visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na superintendência da PF em Curitiba nesta segunda. Quem se encontrará com Lula é o deputado estadual eleito Emidio de Souza (PT-SP), um dos principais auxiliares de Haddad durante a campanha. Assim como Haddad, Emidio também está registrado na equipe de advogados de Lula.

Ele votou pela manhã na capital paulista, por volta das 10h15. O petista declarou esperar que o dia transcorra com “muita tranquilidade”. “Eu confio na democracia, confio no povo brasileiro”, disse Haddad. Assim que os militantes iniciaram o ato, moradores do prédio que fica em frente ao colégio começaram a bater panela.

Folhapress

Temer acredita que governo de Bolsonaro será de “paz e harmonia”

Publicidade Girleide Gomes>>>

O presidente Michel Temer fez um rápido pronunciamento após a divulgação do resultado das eleições presidenciais. Conforme havia adiantado em sua conta no Twitter, o presidente disse que conversou rapidamente com seu sucessor, Jair Bolsonaro, por telefone. Temer acredita que o governo de Bolsonaro será de “paz e harmonia”.

“Tenho absoluta convicção, como pude declarar ao presidente eleito, que ele fará um governo de muita paz e harmonia, que é o que mais o nosso país precisa. Ele agradeceu muito o telefonema e disse que continuará trabalhando pela pacificação”, disse à imprensa no Palácio da Alvorada. A conversa entre os dois foi rápida e nada foi discutido a respeito da transição. Segundo Temer, Bolsonaro estava em um ambiente de muita euforia e seria “indelicado” esticar a conversa.

O presidente, no entanto, disse que a transição começa amanhã (29), no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), que fica a cerca de 5 quilômetros do Palácio do Planalto. “A transição já está praticamente toda formatada. O que foi feito e o que ainda deve ser feito”.

Agência Brasil 
 
http://www.lentedotrairi.com.br/
Publicidade Vintz>>>
 

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Fotos do V Movimento Mulheres em Ação no Outubro Rosa - VEJA MAIS AQUI>>>

"Não é egoísmo amar a si mesmo. Cuide-se e faça da sua felicidade uma prioridade."
#previna conta o câncer
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=2211078255628909&set=a.562941767109241&type=3&theater

http://www.lentedotrairi.com.br/

VÍDEO: Vereador acusa governador da Paraíba de cobrar votos em Haddad dos contratados

O vereador Carlão (PSDC) acusou o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), de “usar a máquina pública para mudar a política nacional”, ao falar para uma plateia de militantes que o número de votos em Fernando Haddad não bate com o número de contratados pelo estado.

Assista ao discurso de Carlão na Câmara Municipal de João Pessoa, durante o qual ele aproxima o celular do microfone para reproduzir a cobrança de Coutinho por esforços da militância na reta final da eleição presidencial.

Assista aqui

O Antagonista 
 
https://www.facebook.com/search/top/?q=museu%20rural%20auta%20pinheiro%20bezerra&ref=eyJzaWQiOiIwLjI4NDMxNzU1OTc3MjQyNCIsInFzIjoiSlRWQ0pUSXliWFZ6WlhVbE1qQnlkWEpoYkNVeU1HRjFkR0VsTWpCd2FXNW9aV2x5YnlVeU1HSmxlbVZ5Y21FbE1qSWxOVVEiLCJndiI6ImJlZTA5ZjkzZmE3MzJjZmE1OWExY2I2ZDlmNDUwZDM4OTI0MjRlNDkiLCJlbnRfaWRzIjpbXSwiYnNpZCI6IjE2MWViNDEzNTFkYTRkODU1MjRmNzY5M2FlODJiNGExIiwicHJlbG9hZGVkX2VudGl0eV9pZHMiOm51bGwsInByZWxvYWRlZF9lbnRpdHlfdHlwZSI6bnVsbCwicmVmIjoiYnJfdGYiLCJjc2lkIjpudWxsLCJoaWdoX2NvbmZpZGVuY2VfYXJndW1lbnQiOm51bGx9
 

Candidatos têm até esta quinta-feira para reuniões públicas e comícios

https://www.facebook.com/profile.php?id=100006894544946
Publicidade>>>

Os candidatos à Presidência da República e ao governo nos 13 estados e no Distrito Federal têm até esta quinta-feira (25) para participação em reuniões públicas, comícios e uso de sonorização fixa entre as 8h e as 24h, com exceção do comício de encerramento da campanha, que poderá ser prorrogado por mais duas horas.

Nesta sexta-feira (26) acaba o prazo para veiculação de propaganda eleitoral gratuita em emissoras de rádio e televisão. No sábado (27), véspera das eleições, a legislação permite propaganda “mediante alto-falantes ou amplificadores de som”, distribuição de material gráfico e a promoção de caminhada, carreata, passeata e carro de som.

No dia 28, é o dia da votação. Os eleitores devem se dirigir aos postos das 8h às 17h. No caso do Distrito Federal e dos estados nos quais haverá segundo turno, os eleitores escolherão o presidente da República e o governador.

Agência Brasil 
 
https://www.facebook.com/wilson.bezerra.792
 

FOTOS: Novo ‘desafio’, caído no chão, vira moda no Instagram; entenda a brincadeira

O Instagram está sendo ocupado por uma nova mania: postar fotos como se tivesse acabado de cair. Chamada de “Falling Stars Challenge” (desafio da estrela cadente, em livre tradução), a brincadeira consiste em posar para fotos deitado, com o rosto no chão, e divulgar ao lado itens de valor que tenham saído de bolsas ou bolsos durante a falsa queda. O principal objetivo dessa febre seria exibir e ostentar na rede social pertences que garantem status de forma bem-humorada.

Até o fechamento desta matéria, ao pesquisar no Instagram, foi possível encontrar 58,8 mil posts com a hashtag #fallingstars, 36,4 mil com #fallingstarschallenge e 36,2 mil usando a tag #fallingstars2018.

Esta teria sido uma das primeiras fotos a viralizar no Instagram com o desafio Falling Stars — Foto: Reprodução/Instagram (ramos_catherine)

Segundo o site Know Your Meme, o desafio teve origem na Rússia e um dos primeiros posts a viralizar com o conteúdo foi feito em 8 de agosto pela usuária @ramos_catherine. Na imagem, a jovem aparenta ter caído ao descer do último degrau de um jatinho particular, e ganhou mais de 4 mil curtidas com a postagem.

A ideia, então, viralizou entre os russos, que passaram a usar a hashtag #FallingStars para aumentar a visibilidade dos posts desse tipo. Entre as fotos, é possível ver homens e mulheres adultos simulando quedas de carros esportivos, helicópteros, lanchas, muitas vezes portando artigos de luxo. De acordo com o site Rojak Daily, a moda também chegou à Malásia, mas em versões mais engraçadas e humildes: em vez de itens caríssimos, usam carros de criança, tratores ou cadeiras de escritórios com rodas para entrar na brincadeira.

Na Malásia, a brincadeira ganhou novo tom — Foto: Reprodução/Instagram (nasrulazmi)

Os chineses também teriam aderido ao desafio nas redes sociais, que ganhou o nome de “wealth-flaunting challenge” (desafio da ostentação de riquezas, em livre tradução). Segundo o site de tecnologia Abacus News, por lá também domina o tom de brincadeira, com adeptos derrubando itens ridículos e sem valor, como garrafas de bebida vazias ou itens para a limpeza da casa. O jogo já rendeu mais de 2 bilhões de visualizações na rede social Weibo, uma das mais populares do país.

Desafio mudou de nome na China e atingiu outras redes sociais — Foto: Reprodução/WeChat

Globo, via Techtudo, Abacus News, Know Your Meme e Rojak Daily
 
https://www.facebook.com/vintz.santacruz
 

SCHALK SANTA CRUZ/RN: NOVA ADMINISTRAÇÃO

REINAUGURAÇÃO DA SCHALK SANTA CRUZ SOBE NOVA ADMINISTRAÇÃO DIA 26/10 A PARTIR DAS 9H.

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Santa Cruz: loja de variedades é arrombada na madrugada de hoje (24)



Uma loja de variedades foi arrombada nesta madrugada 24 de outubro na cidade de Santa Cruz/RN.

Segundo informações extra oficiais, três elementos chegaram em um veículo, por volta de 1h:50 da madrugada, desta quarta-feira e fizeram um verdadeiro rapa na loja, após a ação criminosa, eles fugiram com destino ignorado, deixando para trás, a loja totalmente bagunçada, e o que é pior um grande prejuízo para os proprietários do estabelecimento. 
 
Do Blog de André Fotos!
 
 
 
 
 

Mano Brown critica PT em comício de Haddad, diz que a eleição estava decidida, é vaiado e defendido por Chico e Caetano


FOTO Ricardo Stuckert/Divulgação

O rapper Mano Brown quebrou o clima festivo do comício de Fernando Haddad na noite desta terça (23). Em um discurso de pouco mais de três minutos, ele disse achar que a eleição já estava decidida e disse que se o PT “não conseguiu falar a língua do povo, tem que perder mesmo”. Diante de Fernando Haddad, ele criticou a falha de comunicação da campanha.

“Vim apenas me representar. Não gosto do clima de festa. A cegueira que atinge lá, atinge aqui também. Isso é perigoso. Não tá tendo clima pra comemorar”, disse o cantor, que calou o público nos arcos da Lapa.

“Tá tendo quase 30 milhões de votos pra tirar. Não estou pessimista. Sou realista. Não consigo acreditar pessoas que me tratavam com carinho, se transformaram em monstros. Se algum momento a comunicação falhou aqui, vai pagar o preço. A comunicação é alma. Se não conseguir falar a língua do povo, vai perder mesmo. Falar bem do PT para torcida do PT é fácil. Tem uma multidão que precisa ser conquistada ou vamos cair no precipício. Tinha jurado não subir no palanque de mais ninguém”, acrescentou Brown.

O rapper chegou a ser vaiado por parte do público, mas foi até o final.

“Não vim aqui ganhar voto. Acho que já tá decidido. Se errou, tem que pagar mesmo”, afirmou o cantor.

“Não gosto do clima de festa. O que mata a gente é o fanatismo e a cegueira. Deixou de entender o povão já era. Se somos o Partido dos Trabalhadores tem que entender o que o povo quer. Se não sabe, volta pra base e vai procurar entender. As minhas ideias são essas. Fechou”, completou.

O público ensaiou uma vaia a fala de Mano Brown. Caetano Veloso pegou o microfone e saiu em defesa do rapper.

Segundo Caetano, o discurso de Brown representa a complexidade do momento. Caetano disse que o país vive a “imbecilização da sociedade” e concordou com Brown que não seria hora de festa. “A fala do Mano traz a complexidade do momento”.

O Brasil tem sido bombardeado há décadas por discursos de sociólogos que usam palavrões em suas análises e apostam na imbecilização da sociedade. Temos que encontrar meios de dizer a esses eufóricos [eleitores do Bolsonaro] do perigo à democracia. Me oponho a ‘cafajestização’ do homem brasileiro”, disse. Caetano declarou apoio a Haddad na semana passada após ter declarado voto em Ciro Gomes (PDT) no primeiro turno.

Chico Buarque também aproveitou seu discurso para defender Mano Brown. Segundo o cantor, ele entende o sentimento de Brown, mas afirmou que ainda acredita na vitória de Haddad no segundo turno.

“Eu entendo o Mano Brown, tendo a concordar, sei que vai ser difícil, mas eu ainda acredito ser possível”, disse.

Chico disse que pode ocorrer de pessoas que votaram em Bolsonaro no primeiro turno se sensibilizem com discursos agressivos do capitão da reserva e episódios de violência política nas últimas semanas.

“Talvez aqueles eleitores que votaram em Bolsonaro, os chamados coxinhas, se sensibilizem com essa onda de boçalidade, com morte de gays, trans, travestis, mulheres, negros e capoeiras. Quem sabe o povo pobre, que votou em Bolsonaro, contra si mesmo porque a proposta dele vai contra essas pessoas, mude de ideia na hora do voto. Não queremos mais mentira, não queremos mais a força bruta. Queremos Fernando e Manuela”, disse ele, seguido de gritos de “eu acredito” do público.

FOLHAPRESS 
 
 

Vitrine da Semana Vintz Santa Cruz/RN

terça-feira, 23 de outubro de 2018

GG Girleide Gomes: ''A melhor propaganda é feita por Clientes Satisfeitos''

FOTOS: Preso em SP cria ‘setor de telefonia’ na cadeia e publica selfie na web para comemorar

 
Foto: G1 Santos

Uma ‘selfie’ tirada por um preso que está no Centro de Detenção Provisória (CPD) de São Vicente, no litoral de São Paulo, e que se espalhou rapidamente pelas redes sociais, ajudou a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) do estado a identificar um grupo que fraudava o bloqueio de sinal de celular na unidade. Pelo menos 14 detentos envolvidos na ação foram transferidos.

Segundo apurado pelo G1, o ‘setor de comunicação’ era comandado de dentro de uma das celas da unidade. Os presos se revezavam entre as gambiarras e celulares para burlar o sistema e trocar informações de dentro para fora do CDP.

Por meio de nota, a SAP confirmou, nesta terça-feira (23), que, a partir de informações obtidas pelo Núcleo de Inteligência da pasta, fez uma revista geral na última segunda-feira (22) na unidade. “Um grupo de presos estaria tentando fraudar o sistema de bloqueio de aparelhos de celular na unidade”, informou.

Ainda de acordo com a secretaria, os detentos não conseguiam fazer ligações, mas havia “vazamento eventual de sinal de internet”. Durante a revista, os agentes apreenderam 17 aparelhos celulares. Eles também conseguiram identificar 14 detentos envolvidos na ação. O grupo foi isolado e depois transferido para outras unidades.

Reforço no bloqueio

O CDP de São Vicente fica às margens da Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, no bairro Samaritá. A unidade é reservada apenas para presos provisórios, com prisão preventiva ou temporária decretada. O local não abriga condenados.

A SAP também informou ao G1 que, depois da descoberta da fraude, técnicos do sistema de bloqueio de sinal de celular estiveram na unidade para reforçar o sistema. “Está sendo instalada uma tela de 16 metros ao lado da rodovia, para evitar arremessos de novos aparelhos”, finaliza a nota.

Centro de Detenção Provisória de São Vicente, SP — Foto: Fernanda Luz/A Tribuna de Santos

G1
 
 

WhatsApp agora permite escutar vários áudios na sequência

 
Pixabay

O WhatsApp lançou uma atualização do aplicativo que deve tornar mais simples a comunicação com os amigos tanto por mensagens de texto quanto por áudios.

As mensagens de voz podem ser práticas para quem envia, mas nem sempre é algo simples para quem recebe. Com frequência, o botão que aciona a gravação escapa e vários áudios são enviados sobre o mesmo assunto.

Para ficar mais prático e diminuir as conversas picotadas, agora todas as mensagens de voz recebidas são reproduzidas a partir do primeiro aperta de “play”.

Copiar, responder, encaminhar e favoritar ficou mais fácil nos iPhones. Reprodução

Outra novidade lançada pelo aplicativo tornou mais fácil copiar, responder, encaminhar e favoritar. Basta tocar e segurar uma mensagem para abrir todas as opções de só uma vez. Antes, apenas duas opções eram exibidas de cada vez.

WhatsApp agora reproduz mensagens de voz na sequência. Reprodução

Os novos recursos foram disponibilizados para iPhones nesta semana. A empresa não divulgou uma data para lançar a nova versão do app para os modelos de smartphone com sistema operacional Android.

R7