CASA DOS CICLISTAS

VINTZ SANTA CRUZ/RN

agro

MARMORARIA GRANFORTH

SANTA CRUZ CLÍNICA VETERINARIA

SANTA CRUZ CLÍNICA VETERINARIA

Museu Rural Auta Pinheiro Bezerra

CURTA NO FACEBOOK!




segunda-feira, 26 de julho de 2021

O JARDIM QUE DESPERTA LEMBRANÇAS

Grupo de 50 turistas da cidade de PAULISTA DE PERNAMBUCO

As emoções moram em subterrâneos da mente e são revestidas por camadas imperceptíveis. Como transformá-las em arte? Como traduzir sua essência? Para muitos parece uma tarefa difícil, mas a professora Cleudia Bezerra Pacheco, certamente, conseguiu essa proeza quando construiu o Museu Auta Pinheiro Bezerra, e mais precisamente o Jardim das Lembranças que toma conta de boa parte da área externa do Museu.

 Uma história que começou para render homenagens a memória de sua mãe e de sua família, mas que logo, dada a importância e o valor cultural da obra, passou a contar as histórias que remontam o imaginário popular da região do Trairi. Ganhou espaço a saga do algodão, a luta na agricultura, a batalha do homem do campo na pecuária etc…

No Jardim das Lembranças a memória dialoga com a natureza. O ambiente de paz conversa com as diversas vozes do mundo e a experiência dos pensamentos ganham corpo, som e cheiro.

Você ainda não nos conhece? Então fica aqui o convite, já que o MUSEU é muito mais do que você imagina.




VISITAS:

Quintas, sextas, sábados e domingos – Das 8hrs às 17hrs.

Agendamentos: (84) 9 9982 3518

Siga-nos nas redes sociais:
Facebook: Museu Auta Pinheiro Bezerra
Instagram: @MuseuAutaPinheiroBezerra


Anvisa recebe pedido para uso emergencial de vacina da Sinopharm contra a Covid-19

Foto: Tingshu Wang/Reuters

A Anvisa recebeu nesta segunda-feira, 26, a solicitação de uso emergencial da vacina contra Covid-19 desenvolvida pela empresa chinesa Sinopharm. O pedido foi apresentado pela empresa Blau Farmacêutica, que representa a vacina do laboratório chinês no Brasil.

O prazo de análise do pedido pode ser de sete ou 30 dias, a depender do caso. Pela norma, o prazo de avaliação será de sete dias quando houver desenvolvimento clínico da vacina no Brasil ou quando o relatório ou parecer técnico emitido pela autoridade sanitária estrangeira seja capaz de comprovar que a vacina atende aos padrões de qualidade, de eficácia e de segurança estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) ou pelo ICH (Conselho Internacional para Harmonização de Requisitos Técnicos para Medicamentos de Uso Humano) e pelo PIC/S (Esquema de Cooperação em Inspeção Farmacêutica). Nos demais casos, o prazo será de 30 dias.

A vacina da Sinopharm não teve estudos clínicos realizados no Brasil. As pesquisas foram desenvolvidas em países como Argentina, Peru, Emirados Árabes, Egito e China. Mas o imunizante foi aprovado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em maio, o que facilita a autorização no Brasi.

De acordo com a Anvisa, as primeiras 24 horas após o recebimento do pedido serão utilizadas para uma triagem do processo e verificação da documentação. Se houver informações importantes faltando, a agência pode solicitar informações adicionais ao laboratório. Neste caso, o prazo fica suspenso até a apresentação da documentação completa.

Tecnologia

O imunizante é produzido a partir de um vírus inativado, mesma tecnologia da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan. O imunizante é aplicado em duas doses, com um intervalo de três a quatro semanas entre elas. O produto é recomendado para pessoas acima de 18 anos de idade.

Eficácia

O estudo fase 3 mostrou que, após a segunda dose, a eficácia da vacina contra infecções sintomáticas é de 79%. A mesma taxa foi relatada para a prevenção de hospitalização.

Veja

Bolsonaro diz que Mourão ‘por vezes atrapalha’, mas ‘tem que aturar’

Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta segunda-feira (26) que, por vezes, o vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB), “atrapalha um pouco” o governo.


Em entrevista à Rádio Arapuan, da Paraíba, o chefe do Executivo federal afirmou, no entanto, que “vice é igual cunhado”: “Tem que aturar”.

“O Mourão faz o seu trabalho, tem uma independência muito grande. Por vezes aí atrapalha um pouco a gente, mas o vice é igual cunhado, né. Você casa e tem que aturar o cunhado do teu lado. Você não pode mandar o cunhado embora. Então, estamos com Mourão, sem grandes problemas, mas o cargo dele é muito importante para agregar aí… Dele, não, o cargo de vice é muito importante para angariar simpatias quer seja para candidatura à Presidência, governador ou prefeito”, declarou Bolsonaro.

O presidente e o vice têm se afastado em dois anos e meio de governo. Recentemente, Mourão chegou a dizer que “sente falta” de se reunir com o mandatário do país. No início do mês, Bolsonaro disse que “vice bom é aquele que não aparece”

Bolsonaro citou que em 2018 escolheu quem seria seu vice “em cima da hora” e “a toque de caixa“. Afirmou que não quer “sofrer” com o problema de aliados que mudam de lado após as eleições.

“A escolha do vice meu na última [eleição], foi muito em cima da hora. Assim como a composição da bancada, especial para deputado federal. Muitos parlamentares depois de ganhar as eleições com nosso nome, transformaram-se em verdadeiros inimigos nossos. Muitos não, uma minoria. Então, a gente não quer sofrer desse mesmo problema por ocasião das eleições do ano que vem caso eu venha candidato a presidente, obviamente“, disse.

Bolsonaro já afirmou que não repetirá a chapa de 2018 no ano que vem quando deve concorrer à reeleição. Desde o ano passado, Mourão tem sido excluído de reuniões ministeriais e já reclamou sobre o assunto. O vice-presidente disse “sentir falta” de participar dos encontro com a equipe de ministros para “saber o que está acontecendo“.

Mourão também já deu declarações na contramão do posicionamento de Bolsonaro que contribuíram para o distanciamento entre os dois. A última fala que contradisse o presidente foi em relação ao voto impresso. Mourão afirmou que haverá eleição mesmo sem a adoção do voto impresso.

“Não estou batendo o martelo que serei, nem que não serei [candidato]. O vice é uma pessoa importantíssima para agregar simpatias. Alguns falam que um bom vice poderia ser de Minas Gerais, ou de um estado do nordeste, ou uma mulher ou de perfil mais agregador pelo Brasil. Isso está no radar de qualquer candidatura majoritária no Brasil“, afirmou Bolsonaro.

Com informações de Metrópoles e Poder 360

Publicidade:


sexta-feira, 23 de julho de 2021

Recusa a tomar vacina contra Covid-19 e a retornar ao trabalho presencial pode levar à demissão por justa causa; entenda

Trabalhadores que se recusam a tomar a vacina contra a Covid-19 devem estar cientes de que podem ser demitidos por justa causa. A recusa ao retorno do trabalho presencial também pode ser motivo de demissão por justa causa.

Neste mês, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de São Paulo confirmou a modalidade de demissão para uma auxiliar de limpeza de um hospital de São Caetano do Sul (SP) que se recusou a ser imunizada. Essa foi a primeira decisão em segunda instância sobre o tema na Justiça do Trabalho.

Segundo especialistas, a decisão foi acertada, principalmente, por se tratar de um ambiente de trabalho que oferece alto risco de contágio. Porém, em casos gerais, ainda não há consenso no Judiciário, já que não existe uma regulamentação específica sobre o assunto. Prevalece ainda o debate entre o direito de escolha do trabalhador e a segurança da coletividade, já que a recusa pode colocar os demais em risco.

ORALDENTERN: Clareamento dentário + facetas de resina.Transformando sorrisos, mudando vidas, realizando sonhos.


VEJA AQUI👈👉  oraldentern (84) 99674-2183

Primeiras pessoas são beneficiadas com “xepa da vacina” em Natal

Nesta quinta-feira (22), Natal iniciou a chamada das pessoas que se cadastraram na “xepa da vacina”, para aplicação em caso de sobra de doses dos imunobiológicos nas unidades básicas ou drives. No primeiro dia, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) conseguiu aplicar 20 doses remanescentes na “xepa”.

Uma das primeiras pessoas contempladas foi a fotógrafa Raiane Miranda da Silva, de 20 anos, moradora do Planalto. Ela tomou o imunizante Pfizer na UBS Rosângela Lima. “A ficha ainda está caindo. Quando eu soube da xepa, saí de casa às 06h da manhã para aguardar a UBS Rosângela Lima abrir e fazer o meu cadastro. Nem acreditei quando me ligaram por volta das 16h, larguei tudo que estava fazendo e saí correndo. Estou feliz demais e agradeço pelo acolhimento que eu tive e a oportunidade de tomar a vacina”, comenta Raiane Silva.

Qualquer pessoa residente de Natal a partir dos 18 anos pode buscar um ponto de aplicação e demonstrar interesse na xepa da vacina, preenchendo um cadastro. Caso haja sobra, o local fará contato telefônico pedindo o comparecimento da pessoa em até 20 minutos para receber o imunizante. Caso a pessoa contactada não chegue, o cadastro vai para o último lugar da ordem cronológica.




Vintz: LOOK DO DIA


 

Dj Ivis faz vazar áudios de brigas com Pamela Holanda para tentar “justificar” agressões. Ouça


A coluna Leo Dias adquiriu, com exclusividade, novos áudios que expõem, ainda mais, a relação tóxica em que Pamella Holanda vivia ao lado do DJ Ivis.

Durante a conversa, Pamella dispara que o pai de sua filha se resume apenas à fama e ao dinheiro que ele possui e afirma ainda que se ela sumisse seria melhor do que viver ao lado dele. Já o cantor se defende, dizendo que tudo o que conseguiu foi graças ao seu trabalho: “Tudo o que tenho é fruto do meu trabalho e se você se jogasse daqui, com a sua filha, você seria resumida à uma mãe louca que se matou. Eu já te falei várias vezes que você pode sair e levar a Mel [filha do casal]. Deixo esse apartamento. Já fiz tudo o que podia e não deu em nada”.

O produtor musical está preso desde a última quarta-feira (14/7) pelas agressões à sua ex-mulher. Dois pedidos de habeas corpus já foram apresentados pela defesa de Ivis, porém todos foram negados pelo STJ.

Coluna Léo Dias – Metrópoles




Entorno de Lula defende ‘vice do centro’ e Maia como ministro em caso de vitória em eleição

Foto: Ricardo Stuckert/Fotos Públicas

O entorno de Lula defende que o ex-presidente, na corrida presidencial de 2022, tenha “um vice de centro”.

“Não vai ser uma chapa de esquerda, com vice de outro partido de esquerda. Vai ter que ser ‘um vice de centro’, algo meio José Alencar, sabe?”, disse uma liderança da esquerda a O Antagonista.

O empresário José de Alencar foi o vice de Lula em 2002 e em 2006.

Essa mesma liderança confirmou a proximidade do deputado Rodrigo Maia, ex-presidente da Câmara, com Lula e afirmou que “Maia pode acabar virando ministro, se Lula for eleito”.

“Ministro do Planejamento ou da Economia, como sinalização ao mercado. Algo de estabilidade, algo como o Antonio Palocci foi no início do governo Lula ou o Joaquim Levy com a Dilma Rousseff“, acrescentou.

A mesma fonte disse ainda acreditar que, se vencer o pleito no ano que vem, Lula vai querer “abaixar a poeira” e “repetir seu primeiro governo, que foi de centro”. O político acrescentou que o governo de Jair Bolsonaro, por sua vez, com intervenções em polícias e nas Forças Armadas, por exemplo, “é a coisa mais parecida com a Venezuela que nós temos”.

A liderança aproveitou para chamar de “deslize idiota” os recentes comentários de Lula sobre os protestos em Cuba.

“É um erro, claro que é um erro. Algumas pessoas da esquerda ainda têm essa visão romântica com Cuba. É uma idiotice completa.”

O Antagonista
Publicidade:

Se inscreva no canal Zé Araújo comédia deixe seu like e ative o sininho da notificação

Caçadores na busca do Lázaro

Acompanhe minhas comédias nas redes sociais Facebook: facebook.com/josejailton.goncalodearaujo Instagram: instagram.com/josejailtongoncalode TikTok: tiktok.com/@zearaujo71 Se inscreva no canal Zé Araújo comédia
deixe seu like  e ative o sininho da notificação

⚠️⚠️ ATENÇÃO ⚠️⚠️🏁VENDAS INICIADAS🏁

COMEÇOU AS VENDAS PARA A VOLTA DO FORRÓ DO CANDIEIRO!!

SÃO APENAS 300 INGRESSOS DISPONÍVEIS PARA VENDA, NO VALOR INDIVIDUAL DE 40 REAIS.

CORRE NA CALLE SANTA CRUZ E GARANTA LOGO O SEU PARA NÃO FICAR DE FORA DESSE FORROZÃO.

ACEITAMOS CARTÃO DE CRÉDITO 💳

VAMOS VOLTAR A DANÇAR AQUELE FORROZIM COM :

✅EDYR VAQUEIRO

✅SIRANO E SIRINO

SÁBADO 7 DE AGOSTO NO FORRÓ DO CANDIEIRO SÍTIO FURNA SANTA CRUZ-RN.



Eventos sociais com até 150 pessoas estão liberados no RN a partir desta sexta-feira; veja regras e calendário de reabertura

A realização de eventos sociais, como shows e festas com até 150 pessoas a partir desta sexta-feira (23), de acordo com calendário de abertura de atividades do Governo do Estado. Apesar disso, a liberação está condicionada à situação da pandemia em cada cidade potiguar. De acordo com as regras estabelecidas pelo governo, os eventos só estão liberados em municípios com indicador composto na cor verde.

O último levantamento semanal publicado pela Secretaria Estadual de Saúde, no dia 20 de julho, apontou que mais da metade das cidades potiguares estão na cor verde. Essa é a primeira etapa do calendário de reabertura de eventos sociais publicado em decreto no mês de junho. (A ATUALIZAÇÃO PODE SER VISTA AQUI).

O decreto já havia permitido a realização de eventos técnicos e científicos e a reabertura de cinemas, teatros, entre outras casas culturais – esses eventos chegam nesta sexta (23) à 3ª fase de reabertura, com limitação de 60% da capacidade ou 450 pessoas.

Veja calendário de reabertura dos eventos sociais

Fase 1 – A partir de 23 julho de 2021, com ocupação máxima de 20% da capacidade do local, limitada à frequência máxima de 150 pessoas;

Fase 2 – A partir de 06 de agosto 2021, com ocupação máxima de 40% da capacidade do local, limitada à frequência máxima de 300 pessoas;

Fase 3 – A partir de 20 de agosto de 2021, com ocupação máxima de 60% da capacidade do local, limitada à frequência máxima de 450 pessoas;

Fase 4 – A partir de 03 de setembro de 2021, com ocupação máxima de 80% da capacidade do local, limitada à frequência máxima de 600 pessoas;

Fase 5 – A partir de 17 de setembro de 2021, permitida a ocupação de 100% da capacidade do local.

Com acréscimo de informações do G1-RN

Publicidade:

MUSEU AUTA PINHEIRO BEZERRA: O BOI DE MUITOS LUGARES

O BOI DE MUITOS LUGARES

O Brasil é uma junção de vocábulos, de etnias e de cores diversas. Somos o povo mais miscigenado do mundo e temos a veia artística mais multifacetária do planeta. Com isso, os povos colonizadores do nosso país deixaram muitas marcas em nossa cultura. Uma desses toques foi, certamente, os festejos de Boi de Reis que impregnam as festas do Nordeste brasileiro e são consideradas patrimônio imaterial da humanidade.

Na ocasião do recebimento do prêmio Delmiro Gouveia de Economia Criativa da Fundação Joaquim Nabuco nos deparamos com uma apresentação lindíssima de Boi de Reis. Notadamente percebemos a importância deste festejo para o Nordeste e para nossa cultura. Com isso, rememoramos a oportunidade que tínhamos que era de ter um dos maiores Mestres de Boi de Reis representado na figura do Mestre Antônio da Ladeira.

Santa Cruz é uma cidade rica e diversificada em movimentos culturais. Precisamos valorizá-los e incentivá-los. Hoje algumas peças do Mestre Antônio da Ladeira se encontram em exposição permanente no Museu Auta Pinheiro Bezerra.

quarta-feira, 21 de julho de 2021

Quando a esposa ou o chefe do trabalho perguntar onde estava, mostre esse atestado.


Seleção masculina de futebol estreia nas Olimpíadas contra a Alemanha na manhã desta quinta-feira

(Foto: Lucas Figueiredo / CBF)

Chegou a hora da estreia dos atuais campeões. Nesta quinta-feira, a Seleção Brasileira masculina de futebol inicia a caminhada em busca da segunda medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O Brasil enfrenta a Alemanha, às 8h30 (de Brasília; 20h30 horário local), no Estádio Internacional de Yokohama.

Em busca do bicampeonato olímpico, a Seleção Brasileira vem de duas vitórias nos últimos amistosos. Desta vez, o time de André Jardine terá pela frente o adversário da final das Olimpíadas de 2016.

Antes da partida, o treinador brasileiro projetou um duelo difícil contra os alemães e disse que espera uma partida “decidida nos detalhes”.

– Com certeza são duas equipes que se respeitam muito e vão alternar dominância dentro do jogo. Será bastante igual, duro e decidido no detalhe. Temos que aproveitar os poucos treinamentos que temos com o grupo completo, então a estratégia foi entrosar ao máximo o que consideramos ideal para este jogo – afirmou Jardine em entrevista coletiva.

ALEMANHA

A última impressão da seleção alemã não foi completa. Em amistoso contra Honduras no último sábado, o defensor Jordan Torunarigha acusou um adversário de injúria racial e os germânicos abandonaram a partida antes do fim, com o placar empatado em 1 a 1.

Depois do jogo, o técnico Stefan Kuntz falou sobre o assunto e disse que sua equipe fez certo ao deixar o campo.

– Quando um de nossos jogadores recebe insultos racistas, continuar jogando não é uma opção. Jordan (Torunarigha) ficou terrivelmente chateado porque disse que foi insultado repetidamente de forma racista. Isso viola nossos valores, não podemos tolerar isso – disse Kuntz.

FICHA TÉCNICA

Brasil x Alemanha
Jogos Olímpicos de Tóquio
Grupo D – 1ª rodada

Data e horário: 22/07/2021, às 8h30 (de Brasília; 20h30 no horário local)
​Local: Estádio Internacional, em Yokohama (JAP)
Árbitro: Iván Barton (ESA)
Assistentes: David Morán (ESA) e Zachari Zeegelaar (SUR)
Transmissão: TV Globo, SporTV e BandSports. O LANCE! acompanhará o jogo em tempo real

PROVÁVEIS TIMES

BRASIL (Técnico: André Jardine)
Santos; Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana; Douglas Luiz, Bruno Guimarães e Claudinho; Antony, Richarlison e Matheus Cunha.

ALEMANHA (Técnico: Stefan Kuntz)
Müller; Henrichs, Pieper, Uduokhai e Raum; Stach, Arnold e Maier; Richter, Kruse e Amiri.

Lance
Publicidade:

Marmoraria Granforth: Qualidade, Acabamento e Ótimos Preços - Ligue e Faça seu Orçamento.

Pague no Cartão em Até 10x. Descontos de Até 10% Avista. (84) 3291 3100/ 99654 1114

Pesquisa PoderData: 62% reprovam governo Bolsonaro, 32% aprovam

Foto: Sérgio Lima/Poder360 – 12.jul.2021

O presidente Jair Bolsonaro e a sua gestão frente ao Palácio do Planalto seguem em seu momento de maior rejeição, segundo pesquisa PoderData realizada nesta semana (19-21.jul.2021). As taxas ficaram estáveis em comparação às do levantamento anterior, feito 15 dias antes, com variações dentro da margem de erro de 2 pontos percentuais.

O PoderData faz duas perguntas aos entrevistados: uma sobre a avaliação do desempenho pessoal do presidente e outra sobre seu governo. Nessa última, são dadas 3 opções: aprova, desaprova ou não sabem.

Os resultados mostram que a gestão bolsonarista é aprovada por 32% e reprovada por 62%. Outros 6% não souberam como responder. Essas taxas também variaram na margem de erro.



Destaques demográficos da pesquisa: Avaliação do Governo
escolaridade – 73% dos que têm ensino superior desaprovam o governo;
região – 70% no Nordeste desaprovam a gestão bolsonarista; 52% no Norte aprovam –é o único dos 19 estratos em que a aprovação supera a reprovação;
renda – 69% dos desempregados ou sem renda fixa rejeitam o governo; 47% dos que ganham de 2 a 5 salários mínimos aprovam.



Já em relação à avaliação pessoal de Jair Bolsonaro, hoje, 56% avaliam o presidente como ruim ou péssimo, uma oscilação de 1 ponto para cima em relação a duas semanas antes. Para 26%, o desempenho de Bolsonaro é bom ou ótimo; 15% o avaliam como regular.

O PoderData vai a campo a cada 15 dias desde abril de 2020 para medir a percepção da população sobre o desempenho pessoal do presidente da República e a avaliação do governo. A frequência das pesquisas permite a captação tanto de variações repentinas na opinião pública quanto de tendências mais longas:
no curto prazo – o “salto” de rejeição rejeitado há 15 dias antes dá sinal de que pode ter se esgotado ou, ao menos, desacelerado. A reprovação segue em nível recorde, mas o patamar se manteve nestas duas últimas semanas;
no médio prazo – Bolsonaro segue no quadro de alta rejeição registrado desde março, quando o país atravessava a 2ª de covid, a mais devastadora.

Destaques demográficos da pesquisa: Avaliação do trabalho de Bolsonaro

Os que têm de 25 a 44 anos (61% desse grupo), os moradores da região Nordeste (62%), os que cursaram ensino superior (66%) e os desempregados ou sem renda fixa (61%) são os estratos que mais rejeitam (“ruim”+”péssimo) o desempenho de Bolsonaro.

Já os homens (32%), os moradores das regiões Sul (38%) e Norte (33%) e os que ganham de 5 a 10 salários mínimos (33%) são os que mais rejeitam.

Sobre a pesquisa

Esta pesquisa foi realizada no período de 19 a 21 de julho de 2021 pelo PoderData, a divisão de estudos estatísticos do Poder360. A divulgação do levantamento é feita em parceria editorial com o Grupo Bandeirantes.

Foram 2.500 entrevistas em 427 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. Saiba mais sobre a metodologia lendo este texto.

Para chegar a 2.500 entrevistas que preencham proporcionalmente (conforme aparecem na sociedade) os grupos por sexo, idade, renda, escolaridade e localização geográfica, o PoderData faz dezenas de milhares de telefonemas. Muitas vezes, mais de 100 mil ligações até que sejam encontrados os entrevistados que representem de forma fiel o conjunto da população.

Poder 360

Publicidade:

ACERTE O ALVO, CONQUISTE MAIS CLIENTES

ENTRE EM CONTATO E PEÇA UM ORÇAMENTO!
📱 (84) 99953 7009

Nossos espaços são amplos e bem arejados, perfeitos para passar o aquele dia maravilhoso na piscina! Vem conhecer!




Funcionamos aos sábados, domingos e feriados. Não fazemos reservas.