MARMORARIA GRANFORTH

Vintz

CURTA NO FACEBOOK!




terça-feira, 27 de novembro de 2018

http://www.lentedotrairi.com.br/

Maestro Camilo Henrique participa da I Bienal da Funarte e ajuda a formular diretrizes de fortalecimento do movimento de bandas de música

O maestro Camilo Henrique, responsável pela Filarmônica João Roberto Paz e União (Banda de Música de Santa Cruz), representou Santa Cruz na I Bienal Funarte de Bandas de Música. Promovido pela Fundação Nacional de Artes (Funarte), o evento aconteceu em Mogi das Cruzes, interior do estado de São Paulo, de quarta-feira (21) até sexta-feira (23).

A Bienal Funarte de Bandas de Música faz parte das ações do Projeto Bandas de Música e teve o objetivo de estimular uma rede de comunicação entre regentes, compositores, arranjadores e apoiadores do movimento de desenvolvimento da banda de música como fator de transformação social e cultural.

O evento possibilitou que os participantes compartilhassem suas experiências com banda de música em suas respectivas regiões e as debatessem em grupo. O mastro Camilo Henrique participou, no segundo dia do evento, de um dos debates da bienal, que teve como tema: “O papel das bandas na sociedade atual”. Em sua fala, o maestro santa-cruzense destacou a Lei 711/2016, aprovada pela Prefeita Fernanda Costa, e que reconhece a banda de música como patrimônio histórico e imaterial do município e ressaltou o importante papel social que ela tem em Santa Cruz.

O maestro Camilo Henrique também participou de um grupo de trabalho, formado por representantes de vários estados, que definiu diretrizes para serem encaminhadas para a Funarte. Entre elas, a criação de uma associação nacional de bandas e a criação de uma rede de informação para que assuntos relacionados às bandas, como leis de incentivo e de politicas públicas, possam ser acessados e compartilhados mais facilmente.

“Diante de tudo que ouvimos, conseguimos colher muitas coisas boas. Voltamos para Santa Cruz cheios de ideias para fortalecer cada vez mais o trabalho que é desenvolvido na nossa cidade relacionado ao movimento de banda de música”, afirmou Camilo Henrique.

A participação do maestro Camilo Henrique na I Bienal Funarte de Bandas de Música foi viabilizada por meio da parceria entre a Funarte e Prefeitura de Santa Cruz, através da secretaria municipal de Assistência Social.
 

 
Postar um comentário