MARMORARIA GRANFORTH

Vintz

CURTA NO FACEBOOK!




quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Agentes penitenciários do RN entram em greve

Agentes da Escolta Penal do Rio Grande do Norte cruzaram os braços, literalmente (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)
Paralisação começou na manhã desta quarta (13). Agentes cobram do governo pagamento da diferença remuneratória de níveis.

Agentes penitenciários do Rio Grande do Norte entraram em greve na manhã desta quarta-feira (13). A categoria cobra do governo o envio de um Projeto de Lei à Assembleia Legislativa que garanta a diferença remuneratória dos níveis, que já estão implantados nos contracheques, mas que na prática não funcionam. O Grupo de Escolta Penal, que é responsável por levar presos para audiências, julgamentos, transferências entre unidades e até para atendimentos médicos em hospitais, cruzou os braços.

Um dos agentes, que preferiu não se identificar, disse que está no sistema há sete anos e meio. Ele conta que já foi promovido para o nível 3, de acordo com o estatuto da categoria, mas não teve nenhum reajuste salarial.

Com a greve decretada a partir desta quarta, alguns serviços estão suspensos nas unidades prisionais do estado. Banho de sol dos detentos, visitas de familiares, audiências e projetos sociais desenvolvidos dentro das unidades, nada disso será realizado, afirmou o Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN (Sindasp).

Apesar da greve, a presidente do Sindasp, Vilma Batista, disse que não haverá redução de efetivo para não comprometer a segurança dentro dos presídios. O RN hoje conta com 904 agentes para uma população de quase 9 mil detentos. 
 
 
 
Publicidade>>>
 
TELEÁGUA
Postar um comentário